Felicidade para o fim do mundo

Postado por Marina Frael no dia 2.12.12
Ter a felicidade nas mãos é uma coisa que todos sonham. Não importa o quão feliz você seja, sempre quer mais. Eu acho super certo todos serem procurarem por mais e esse procura nada mais é, ao meu ver, do que a busca pelos nossos sonhos. Eu, como uma sonhadora quase profissional, sei muito bem disso.
Mas eu fui parar pra pensar o que é felicidade e na real, não tem uma definição certa. É apenas uma mistura de sentimentos, e confusões, e loucuras, e alegrias e emoções, e vida. É só uma mistura de tudo aquilo que nos faz sorrir. 
Minha felicidade está em diversas coisas espalhadas por esse mundo, seja pessoas, objetos, lugares, animais, comidas, momentos que já passaram e que ainda estão por vir. Minha felicidade está em saber apreciar cada momento como se fosse o último e como se eu fosse viver para sempre. 
Pequenos gestos fazem a cada dia nosso ser especial. Ás vezes esses tais pequenos gestos podem não ser valorizados, e provavelmente, ás vezes nem notados são, mas pode ter certeza, seu dia não seria tão bom sem ele. 
Dizem que o fim do mundo é dia 21 de dezembro, não que polemizar nem nada, mas eu não acredito. Já disseram isso antes e não aconteceu. Eu sei também que muita gente não acredita, mas ultimamente vejo algumas pessoas fazendo coisas - seja coisas pequenas no dia-a-dia ou grandes mudanças - que normalmente não fariam e usando o tal fim do mundo como desculpa. Pode parecer, ou talvez até seja, loucura da minha cabeça, mas eu venho reparando que as pessoas estão tentando ser mais felizes, como se, já que o mundo vai acabar, que seja eu sendo feliz. Talvez, não sei. 
Eu também sei que em quase todo mundo, inclusive em mim, já bateu aquela dúvida se isso é verdade. E se sim, não é agora a hora de fazer o que sempre quis? 
Marininha Frael

0 comentários:

Postar um comentário

 

universo de uma louca Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos